Patrícia Poeta será indenizada por uso indevido de imagem

A apresentadora Patrícia Poeta será indenizada por uma empresa de cosméticos que usou sua imagem em propaganda de remédio usado para emagrecimento. A decisão é da 48ª vara Cível do RJ.

A empresa usou a imagem da apresentadora para divulgar que ela tomou o remédio redutor de gordura e medida para emagrecer. A jornalista alegou que nunca utilizou o produto e pleiteou indenização por danos morais e uso indevido de imagem.

O juiz de Direito Mauro Nicolau Júnior julgou o pedido da autora procedente, considerando o caso inequívoca propaganda enganosa.

Sendo assim, condenou a empresa ao pagamento de R$ 30 mil por danos morais e utilização indevida de imagem. Além disso, determinou que a ré faça publicação em jornal de grande circulação e em sua página do Facebook informando que Patrícia Poeta não adquiriu, utilizou e nem autorizou a veiculação da sua imagem ao produto.

Fonte:

https://goo.gl/DQefTm

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *