Renan quer chamar Moro e Janot para discutir projeto sobre abuso de autoridade

Decidido a garantir legitimidade ao Projeto de Lei do Senado (PLS) 280/16 sobre Abuso de Autoridade, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), resolveu chamar o juiz Sérgio Moro e o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para debaterem a proposta de modernização da lei que trata de excessos no exercício das funções públicas.

“Imagine o estágio da Democracia a que chegamos. Convidar o juiz Sérgio Moro para discutir um tema transcendental… Claro que a presença dele é necessária e vai colaborar para elaboração de uma melhor lei. E me perguntam se convida-lo é provocação? Não acho não!”, disse o peemedebista,

“É importante que ele venha, que o procurador-geral venha, que o Supremo (Tribunal Federal) que redigiu a proposta mande representante para fazer um debate público”, completou.

Moro e Janot têm criticado pontos do projeto de abuso de autoridade em discussão no Senado. O juiz chegou a classificar a proposta como um atentado à magistratura.

O PLS 280/16 foi formalizado em junho por Renan em resposta ao pedido de sua prisão apresentado – e negado – ao STF por Janot.

Duas semanas após o tema ser ressuscitado, o relator Romero Jucá (PMDB-RR) apresentou um parecer com mudanças pontuais na proposta original, mas diante das críticas de quase todos os membros do colegiado ao debate apressado do projeto concedeu vistas coletivas e nunca marcou uma data para votação.

À espera da formalização da indicação para a liderança do Governo Temer no Congresso, Jucá pediu a Renan para deixar a relatoria do PLS 280. O nome escolhido será anunciado na próxima semana.

Os planos de Renan passam por uma nova indicação, por debates rápidos e pela votação do tema antes do início do recesso parlamentar em 23 de dezembro.

O PLS 280 tramita em caráter terminativo na Comissão da Consolidação da Legislação Federal e Regulamentação da Constituição, o que significa dizer que só é votado pelo plenário do Senado se ao menos 9 senadores apresentarem recurso após sua aprovação pelo colegiado.

Fonte: http://jota.info/renan-quer-chamar-moro-e-janot-para-discutir-projeto-sobre-abuso-de-autoridade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *